terça-feira, 28 de junho de 2016

Trilha sonora do "Confissões de um coração: Luz na escuridão - O Filme" - Vini Queirozz


      Bom dia meus betas, não sei se vocês estão ansioso pra trilha sonora do filme, mas eu estou muito. Então aqui está uma das músicas que faz parte do filme. Espero que gostem. Lembrando que nesse vídeo tem algumas cenas do documentário.


5 Motivos pra seguir o canal TPM (Totalmente Papo de Mulher)


    Bom dia meu betas lindos, agora vou mostrar 5 motivos pra vocês curtirem o canal TPM (Totalmente Papo de Mulher).

1º - Tem a Camila Pontes, que é uma das pessoas mais maravilhosas do mundo.

2º - Simples, tem a Beatriz Piazza, que é tipo a Ruiva Top Of The World.

3º - O conteúdo do canal é simplesmente maravilhoso. E apesar do canal ter esse nome, ele é um canal pra qualquer tipo de pessoa. Independente de Orientação sexual, gênero ou qualquer outra coisa que possa ser usado de desculpa.

4º - Se você estiver triste, assista os vídeos. Se você estiver feliz, assista os vídeos, se você está vivo, assista os vídeos. O canal é incrível e original.

5º - Ela simplesmente gostam muito do que fazem. Mas uma das coisas que elas mais amam é WORK WORK WORK




   Sigam também nas outras redes sociais.


Fan page

Youtube



4 Motivos e meio pra se apaixonar pelo Roro


     Assim, apesar do título, eu quero deixar claro que ele é MEU. :P

    Brincadeiras sendo postas de lado. Aqui vou listar alguns motivos pra vocês entenderem o porquê eu indico o canal dele (tirando o fato de ser meu mozão #UmDiaEstareiMaisPertoDele).


1º - Olhar nos olhos dele, faz que exista uma felicidade em nossos corações. Dizem que os olhos são as portas pra alma. Posso dizer que a alma dele é bem iluminada. Isso acaba iluminando a vida de todos.

2º - Ele tem um sorriso incrível e esse poder de fazer as pessoas ficarem rindo eternamente, mesmo quando estão vivendo um momento tenso. O sorriso dele inspira a sorrir também. Mesmo sem precisar força nenhuma, ele consegue trazer leveza e calmaria pro coração de todos que o acompanha.

3º O canal dele no Youtube é simplesmente incrível (assim como ele). Apesar ter sido iniciado com um objetivo, fomos agraciados com a chance de tê-lo em nossas vidas. Ele preciso meio que reformular o canal, mas como sempre, continuou maravilhoso.

4º - Ele é um cara verdadeiro, humano, sonhador, incrivelmente único. Qualquer pessoa que o segue, tem a chance de conhecer esse cara único.

1/2º - Não que esse seja um motivo bom pra vocês, mas o fato de ele ser meu mozão, já faz disso um motivo pra vocês segui-lo, pois vocês sabem que eu só gosto de andar com os melhores e só me apaixono assim por pessoas maravilhosas. Com certeza ele é uma das pessoas mais incrível desse mundo.



   Ok, talvez nenhum desses motivos te fizeram querer segui-lo, então direi o que penso de verdade sobre ele (deixando claro que é o MEU pensamento).

   O Rodrigo (Roro) é uma pessoa linda, com alma iluminada, sorriso inspirador. Os olhos dele me dão força pra acordar todos os dias e pensar "Um dia a menos que eu tenho que esperar pra estar com ele", ele tem uma voz maravilhosa (eu amo essa voz até quando ele está doente). Ele inspira as pessoas a sonharem (mesmo quando não está tentando). Ele faz as pessoas desejarem ser melhores a cada dia. Ele faz as pessoas acreditarem nelas mesmas. Ele é uma das pessoas mais (não existe palavra pra dizer o que ele é, pois ainda não foi criado nada tão grandioso assim) do mundo.


   Eu amo as caras e bocas dele, eu amo o olhar dele, eu amo o cabelo dele (principalmente depois que ficou azul #AzulÉVida), eu amo poder amá-lo cada dia mais. Eu o amo mais que ontem e menos que amanhã. Eu tenho orgulho de ele ser essa pessoa única.




   Não existe um dia na minha vida que eu não ame esse cara maravilhoso. Ok, sei que embolei todas as palavras e motivos. Então é o seguinte, se vocês são meus betas, se inscrevam no canal dele, siga no Instagram, Twitter, Fan page.





   Mozão, obrigado por fazer a minha vida ser iluminada assim. Em breve estarei mais perto de ti e isso será um dos melhores dias da minha vida. Te amo meu mestre pokemon.





sábado, 25 de junho de 2016

#Spoiler - Novo livro "Confissões de um coração: A Jornada"


   É com muito prazer que eu apresento pra vocês um pequeno trecho do meu novo livro. Ele é continuação do Confissões de um coração: Luz na escuridão (Compre o 1º livro clicando AQUI). Agora aqui está um trecho do novo livro.




"As pessoas têm uma ideia muito vaga do significado “AMOR”. Talvez possamos fingir que nada acontece, mas a verdade é, o amor é suporte, o amor é sacrifício, o amor é entrega, o amor é um sentimento forte, verdadeiro.
            Eu nunca tive problemas fortes, mas as memórias, a falta de amor, a falta de esperança, se juntam e isso destrói vidas, no fim, tudo parece não ter esperança, as lagrimas correm com força, fazendo com que fiquemos fracos; as vezes, procuramos força em um amigo, mas nem sempre é possível.
            As pessoas querem que você fique mal, ninguém quer te ver bem, ninguém quer ver sua felicidade, principalmente quando nem eles mesmos conhecem esse sentimento.
            Com essa historia do meu coração estar parando, confesso que tenho medo, as pessoas não se importam com seus sentimentos, eles não se importam se você esta morrendo, eles não se importam. Matam e destroem vidas, tudo em nome de deuses falsos e mesquinhos; deuses que só foram criados pra fazer as pessoas acreditarem no que querem acreditar. O deus da violência, o deus da arrogância, o do desamor, entre outros. Esses deuses não existem, eles são apenas coisas criadas. Só existe um Deus, e ele é tudo aquilo que o homem não é capaz de ser.
            Os humanos acham que Deus abre mão de um filho por cause de seus erros, mas o meu Deus não é assim. Porque ele seria um assassino bipolar. Primeiro mata o filho, para que pudéssemos ser perdoados. E depois mata as pessoas que deveriam ser perdoadas. As pessoas matam em nome de Jesus, e dizem que o amor é do mal.
                        Vamos pensar. Existe amor? Deus existe?
            As pessoas estão tão inspirada em manter a arrogância e ignorância, que esquecem de ensinamentos básicos. Frequentam a igreja, mas sujam o nome de Deus. Sabe por que existem tantas pessoas no mundo que não vive um contato com Deus?
            Porque as pessoas dizem que não vale a pena ela acreditar, dizem que elas não têm o direito de pedir nada pra Deus, dizem que elas não devem chegar perto de Deus, que elas vão queimar no fogo do inferno, que morrerão sozinhos e sofrendo, que serão pessoas repulsivas e nojentas.
            Se é isso que você está aprendendo na igreja, existe algo de muito ruim. Se amar é coisa do diabo e odiar é coisa de Deus, quem você acha que as pessoas escolherão?
            Querem ganhar almas falando sobre amor, mas agindo e pregando com ódio. Deus é amor, Deus é perdão, Deus é compreensão, Deus é compaixão.
            Digo isso em algo e bom tom. Qualquer pessoa que planta o ódio e a ignorância em nome de Deus; não é filho de Deus. É um servente do anti - Cristo.
            Isso mesmo, na bíblia diz:

            “AMARÁS AO TEU PRÓXIMO, COM A TI MESMO”

            Toda vez que parecer que é o fim da esperança. Lembre-se do Salmos 5, que diz:

            “Dá ouvidos às minhas palavras, ó Senhor, atende à minha meditação.
            Atende à voz do meu clamor, Rei meu e Deus meu, pois a ti orarei.
            Pela manhã ouvirás a minha voz, ó Senhor; pela manhã apresentarei a ti a minha oração, e vigiarei.
            Porque tu não és um Deus que tenha prazer na iniquidade, nem contigo habitará o mal.
            Os loucos não pararão à tua vista; odeias a todos os que praticam a maldade.
            Destruirás aqueles que falam a mentira; o Senhor aborrecerá o homem sanguinário e fraudulento.
            Porém eu entrarei em tua casa pela grandeza da tua benignidade; e em teu temor me inclinarei para o teu santo templo.
            Senhor, guia-me na tua justiça, por causa dos meus inimigos; endireita diante de mim o teu caminho.
"

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Saindo de Nárnia... Ops, eu quero dizer, saindo do armário - #OrgulhoDeSer #ProudToBe


    Pra deixar claro aqui meus betas, vocês estão me mandando mensagens pra eu contar um pouco sobre a questão de como eu sai de Nárnia, Ops, eu quero dizer, sai do armário, então vou responder, mas antes, se você ainda não viu o meu vídeo da campanha #ProudToBe #OrgulhoDeSer, aqui está o vídeo, assista, compartilhe, vá no canal e se inscreva (esse último é pra quem ainda não é um beta, mas é um ômega. Não esqueça que quanto mais pessoas se unirem pra fazer um mundo melhor, mais força teremos).






    Enfim, eu já gravei um vídeo no canal  internacional falando sobre esse assunto.





    Vamos lá. Eu iniciei a minha vida sexual muito cedo (mesmo eu não desejando isso) e isso trouxe muitas consequências pra minha vida (tanto pessoal, quanto profissional). Eu já contei pra vocês que eu fui estuprado durante muito tempo (mesmo que eu não tenha dado tantos detalhes).






    Eu publiquei um livro chamado "Confissões de um coração: Luz na escuridão" (Você pode comprá-lo Aqui) e nele você encontra algumas informações sobre a minha pessoinha (antes de me tornar um True Alpha). Lá eu conto sobre a gravidez do meu primeiro filho (pra quem não sabia, eu tinha dois filhos), conto sobre a morte deste meu primeiro filho (Brian). Enfim, existem bastante informações sobre mim nesse livro. Mas o que as pessoas não sabiam, é que o confissões não era pra ser um livro, ele era o meu diário que acabou se transformando em um livro.


     Mas o que poucas pessoas sabem sobre o livro, é que ele está sendo transformado em um documentário que tem previsão de ser lançado em rede digital entre Dezembro de 2016 e Abril de 2017. Pode ser que eu saia fazendo uma pequena tour pra conversar com quem quiser conversar comigo sobre o assunto. Antes de eu continuar, dá uma olhada nesse vídeo que foi tirado do filme.











   E outro detalhe que poucas pessoas sabem, é que terá uma continuação. Até agora ninguém tinha visto a capa oficial da continuação, que foi intitulado "Confissões de um coração: A Jornada", mas como vocês são demais, aqui está a capa do livro novo.



     Espero que vocês tenham gostado da capa. 




CARAMBA SCOTT, VOCÊ ESTÁ NOS ENROLANDO. FALOU DE FILME, LIVROS, SÓ NÃO RESPONDEU COMO VOCÊ SAIU DO ARMÁRIO.


  Então ok, não precisam ficar bravos, mas a verdade é que eu nunca me escondi no armário. Minha sexualidade nunca foi algo discutível com ninguém. Eu já escrevi um post aqui falando como eu me senti em relação a contar pros meus pais adotivos (Leia aqui o artigo Ser Gay). Agora vou dizer coisas básicas.
   Eu conheci um cara bacana num aplicativo chamado Badoo (deixando claro aqui que eu não uso mais esse aplicativo/site, mas amava). Nós marcamos de sair pra conversar e nos conhecer. Fomos ao shopping (ou melhor dizendo, ele me encontrou no shopping, já que eramos de cidades diferentes). Conversamos bastante naquela noite e decidimos deixar as coisas esquentarem um pouco, como vocês podem ver nessa foto aqui.


   Pra você que achou que a coisa tinha além de agarra agarra e beijaços, apaga o fogo porque era a primeira vez que eu estava conhecendo o cara e não rolava de jeito nenhum uma cena de sexo explicito louco no primeiro encontro (Primeiro porque ambos não queriam acelerar as coisas. Segundo que não tínhamos preservativos, então não rolaria sem eles).
    O tempo foi passando e ficamos, até o dia que ele me convidou pra passar o fim de semana com ele. Eu aceitei, mas tinha aquela coisa, se as coisas passassem da 1ª fase, eu teria que contar pra minha mãe biológica (antes que outra pessoa contasse) e foi o que eu fiz. Contei que eu estava ficando e gostando de um menino. Eu quis morrer de ter contado isso pra ela, mas me surpreendi com a resposta dela. Vale frisar aqui, que a minha mãe é pastora.
    Ela virou pra mim e disse que queria que eu fosse feliz, pois ela já estava cansada de me ver sofrendo.
     Ela falou outras coisas que me fizeram tentar ser forte pra não chorar alí, pois eu não esperava que ela fosse continuar me amando. Mas ela é cristã, ela acredita que isso é pecado (como a maioria dos religiosos), mas ao invés de vir e atacar pedras, ela fez o que a bíblia ensina (AMAR O PRÓXIMO E ORAR POR ELES). Ela foi incrível de uma forma que eu não esperava. 
    Mentira, eu sentia que tudo daria certo, pois existe uma coisa sobre minha família que quase ninguém sabe. ok, la vai. A MINHA MÃE ADOTOU UMA MULHER TRANS.
     Eu tinha uma amiga chamada Bruna que mora na cidade de Jacareí (mesma cidade que os meus pais adotivos moram) e ela me apresentou um menino chamado Bruno. Ele se apaixonou por mim e sempre frequentava a minha casa (pra quem não sabia, eu morei durante 2 anos e 3 meses em Jacareí). Ele foi pedir pra minha mãe me deixar namorar com ele (detalhe que a minha mãe que veio me contar isso), acabou que ele e a minha mãe biológica viraram amigos, mas nós nunca tivemos nada além da amizade (apesar de ele me beijar enquanto eu dormia no acampamento da igreja). 
      Mas enfim, a minha mãe acabou adotando ele (antes de virar ela oficialmente). Esse era o motivo que eu imaginava que ela trataria de forma calma a situação. Fiquei com o ** na mão? Com certeza, mas no fim tudo deu certo.
     O tempo foi passando e eu continuei seguindo minha vida depois do meu rompimento com o Léo, então eu namorei outras garotas e outros garotos. Eu casei e me divorciei. Então em fevereiro de 2015 eu namorei uma pessoa incrível. Como eu já tinha me transformado em um youtuber, algumas pessoas começaram a shippar o casal. E foi ai que o Scocelo nasceu. Eu o amava demais e mesmo depois desse tempo todo, eu ainda o amo, mas hoje eu tenho vê-lo como um amigo. Eu não deveria, mas como já teve fã clubes colocando nossas fotos, já teve até vídeo no meu canal, então aqui está SCOCELO NA CARA DE VOCÊS.



    Mas enfim, voltando. Em fevereiro é aniversovo da minha priminha (aniversovo é um jeito infantil de dizer aniversario, causado por um doença chamada, excesso de backyardigans), mas enfim, como nós estávamos namorando, ele ia pro aniversario comigo. Dois dias antes, o meu irmão veio me buscar pra ficar na casa dele (detalhe, que esse é o irmão com quem eu não falo por causa da justificativa dele pra não ir na minha festa de aniversario #Homofobia) e o meu irmão ia com a noiva (da época) dele. Como ele não sabia ir pra chácara, o Celo (estava conversando comigo no celular) disse que pegaríamos o nosso carro e o meu irmão vinha com o carro dele atrás. Então eu virei e repeti  o que ele tinha dito, ai minha tia já veio com, NOSSO CARRO?
     Ai já cagou tudo né? Na verdade não, pois eu fiquei com vergonha e fui pra fora continuar conversando com ele. Ele se sentou a mesa comigo e muitos familiares. Então a minha prima chega e solta uma pérola.

OLHA SAFADO, PARA DE FICAR OLHANDO AS MENINAS. NÃO VAI CANTAR NINGUÉM HOJE.


   Bacana dizer isso, principalmente quando o seu namorado está do seu lado. Eu puxei minha prima e disse que ele era meu namorado, ela ficou vermelha e correu pra dizer que era tudo brincadeira. Ele sabia que era brincadeira (pois ele sabia que ele era tudo pra mim). Nesse dia, eu "sai do armário" pra ela.

   Depois do meu término com ele, eu namorei o Carlos (no segundo semestre de 2015), que se tornou o shipper mais querido de todos. O SCOLOS. O Scolos se tornou um dos shippers mais amados pelos meus seguidores, que a nossa foto juntos, foi indicado pra participar de uma exposição. Detalhe importante aqui, voltem na capa do Confissões de um coração: A Jornada. Prestem a atenção da imagem Scolos na capa. Eu decidi não liberar tão cedo a capa, pois o livro está previsto pra ser lançado em dezembro de 2016, então eu queria fazer um suspense básico, mas como esse post é importante demais pra mim, vocês são os únicos a verem a capa oficial. Mas enfim, o Carlos foi tudo e sempre será tudo pra mim. Fico feliz de ele ter seguido a vida dele, mas isso não significa que meu amor por ele vai morrer. A prova disso é que o meu novo livro é SCOLOS, o meu novo cd é SCOLOS. Eu sempre o amarei, mas a vida segue em frente. Ok, Aqui vai a foto que as pessoas amaram.


    Foi com essa foto que as coisas começaram a fazer mais sentido em relação a tudo. Nos primeiro livro, eu conto sobre a menina que eu amava (chamada Mariana) e que hoje é uma das minhas melhores amigas. Ela foi a minha primeira namorada/primeiro amor. Mas então, numa noite aleatória, o Carlos teve que ir visitar um lugar e eu o acompanhei. Quando estávamos voltando pra casa (ele estava passando a semana comigo na casa da minha tia), nós encontramos com ela e com o primo dela. Foi ai que eu "sai do armário" pra minha 1ª namorada.
    Por isso que eu digo que eu nunca precisei sair do armário, pois eu nunca fui questionado sobre a minha sexualidade, pois se tivesse sido, eu teria respondido a verdade (como sempre). Então se você for um beta que quer sair do armário, primeiro tenha certeza de que você está preparado pra enfrentar um mundo sujo e egoísta. Eu digo isso por experiência própria (teoricamente). Quando eu fui no meu canal do youtube (pra você que ainda não o conhece, clique AQUI) e disse pela primeira vez que eu era GAY, as pessoas se levantaram, mas foi de uma forma positiva. Muitas queriam saber como era viver num  mundo, onde eu me mantinha sendo eu mesmo. Eu tenho muito orgulho hoje de dizer que sou PANSEXUAL, embora eu continue dizendo que sou GAY. Eu já disse o porque de eu me chamar de gay e tenho orgulho disso. Então esteja preparado(a) pra enfrentar muita gente preconceituosa que vai cuspir na sua cara e tentar te fazer acreditar que você não tem valor. Mas também esteja preparado(a) pra conhecer pessoas incríveis que distribuem amor gratuitamente, pessoas que sabem e te dão o valor que você tem, pessoas que mesmo quando você estiver triste, mas achar a beleza na lágrima que escorre de seus olhos, essa pessoas vão te mostrar que mesmo chorando, você continua sendo incrível. 
    Os meus betas sabem que o meu filme favorito EEEEEVVVVEEEEEERRRRRRR é o UM AMOR PRA RECORDAR e lá tem uma frase que marcou muito. E diz assim.


SEM SOFRIMENTE, NÃO HÁ COMPAIXÃO.

    Se hoje você chora por ser quem você é, amanhã você sorrira com orgulho por tudo o que você conquistou sem precisar se transformar em uma outra pessoa/coisa.
  



TENHA ORGULHO DE QUEM VOCÊ É. NINGUÉM NUNCA SERÁ VOCÊ. NÃO ABAIXE A CABEÇA QUANDO ESTIVER FRACO. NÃO SE SINTA MENOS DO QUE PERFEITO. UMA HORA O MUNDO APRENDERÁ A TE AMAR, EXATAMENTE COMO VOCÊ É.

BEIJOS DE LUZ NO CORAÇÃO DE TODOS QUE TÊM ORGULHO DE SER QUEM SÃO.








terça-feira, 21 de junho de 2016

#OrgulhoDeSer


1 Mês de Arthur (Meu neto)


Eu queria o Justin Aaberg aqui comigo


       Oi betas, eu não ia escrever nada em relação a ele, mas eu tive que gravar o video da campanha #ProudToBe/#OrgulhoDeSer e como a foto dele fica do lado da minha cama, eu acabei falando dele e depois passei 1 hora chorando.
      Me dói lembrar que ele partiu tão cedo. Essa é a foto que eu mais amo dele. Ele era incrivelmente único, super talentoso, simplesmente lindo (tanto por dentro, quanto por fora). Então ele partiu e deixou só lembranças. Eu não consigo falar sobre ele, pois me dá crise de choro e isso me faz muito mal, principalmente quando tive que rever esse video aqui.


     Esse video me quebra o coração, assim como tudo o que tenha ligação com ele. Eu o amei e sempre amarei. Farei de tudo pra que o nome dele seja esquecido enquanto eu estiver vivo.






JUSTIN, EU SEMPRE TE AMAREI.


segunda-feira, 20 de junho de 2016

Ser GAY


      Oi betas, como vocês estão? Eu estava precisando escrever algo, mas não estou conseguindo trabalhar nos livros novos, então vi pra cá. o meu refugio.
      Mas enfim, estou aqui pra falar um pouco sobre a dificuldade de ser alguém que faz parte da comunidade LGBT.
     É horrível fazer parte desse mundo, as não pelos motivos que as pessoas acham. Se for uma pessoa inteligente, então pode ser que temos os meus pensamentos.
     É horrível sair na rua e sentir medo de todos que passam com um olhar diferente, eu nunca consigo saber se a pessoa está querendo fazer algo comigo (seja isso sexo ou me machucar). As pessoas acham que é fácil ter que viver com medo. As pessoas olham como se fosse uma escolha, mas ninguém escolhe ser jogado pra fora de casa como se fosse lixo; ou então, ser espancado ou até assassinado. As pessoas precisam entender que não é uma escolha ser assim. Sim, poderíamos procurar uma parceira e estragarmos a vida dela, fazendo-a viver uma mentira, mas não é certo. Isso sim não é certo, viver uma mentira, ser quem você não é.
      Se eu pudesse namorar somente garotas gostosas, peitudas, com a PPK gostosa, assim eu faria. Mas não, eu gosto de mulheres também (apesar da ideia que as pessoas têm em relação ao titulo) também. Só que eu já vi as minhas mães (e sim, eu tenho mais de uma mãe e fui adotado por  um casal incrível) sofrerem por causa de seus maridos (deixando claro que os meus pais adotivos são felizes, mesmo com os problemas que vem no dia a dia).
       Mas eu me lembro do dia que contei pra Grazi (minha mãe adotiva) sobre a minha orientação sexual e eu achava que ela aceitaria numa boa. Meio que foi isso que aconteceu, ela conseguiu me fazer ficar mais calmo. Mas o meu problema não era tanto ela, o meu medo vinha mais além. Mesmo que seja um filho adotado (deixando claro aqui, que ser adotado não te faz ser mais filho ou menos filho de alguém. Não existe isso. Um filho é um filho), Um pai sempre sonha com um filho namorando garotas, casando com uma mulher (alguns pais preferem a libertinagem, ou seja, sem casamento. Apenas sexo), tendo filhos e tudo mais. Sendo um homem.
       O Rob (meu pai adotivo) é incrível, ele simplesmente me fez sentir orgulho de ser quem eu sou. Ele me fez querer ser um homem cada vez melhor. Ser como ele.
        Quando eu digo ser um homem melhor, não significa que eu deixei de gostar de caras. Apenas significa que eu posso ser alguém incrível (assim como os meus pais são. Tanto os adotivos, quanto os biológicos)  e não precisar abrir mão de ser quem eu sou. Eu ser um cara que fica com outro cara ou  ser um cara que fica com um garota, no fim do dia eu ainda serei um menino bobão que sempre sorri de coisas bobas, que fica olhando pro teto e sonha em ter alguém que vai amá-lo intensamente.
         Vocês devem estar perguntando o porquê da foto no começo, calma que vou explicar.
         Antes de me tornar o Scott Gobett youtuber/escritor, eu era o Lord Andre escritor/poeta. No meio dessa vida conturbada, eu encontrei  uma garota incrível (por quem me apaixonei perdidamente) e já não sabia mais viver sem ela. Então nosso namoro passou pra um noivado e pra um "quase" casamento. Todos esses desafios nos fizeram olhar mais afundo. Percebemos que o fim estava ali e não tinha mais como voltar, era um caminho sem volta (pelo menos por aquele momento).
       Eu tinha tanto medo de decepciona-la, que eu comecei a medir minha atitudes e meus pensamentos (todo mundo sabe que sou sincero até mais do que devia). As coisas pioraram quando uma pessoa do meu passado começou a mexer comigo, me provocando. Eu admito, eu me sentia um lixo por isso, mas eu estava gostando de saber que alguém realmente estava interessado por mim e meio que esqueci que aquele jeito frio de ela agir, era ela sendo ela.
      A minha "esposa" nunca foi uma pessoa muito sentimental e eu acho que o fato de eu ser o primeiro dela, deixava com muito medo de se machucar, só que o que ela não estava percebendo é que aquilo estava me machucando. Eu não aguentava doar 100% de mim e receber 2% dela, então quando outra pessoa decidiu doar 40% pra mim, eu me senti importante. Eu ainda amava a minha mulher, mas eu não conseguia parar de pensar que eu queria que fossemos um casal melhor. Eu não podia cobrar nada dela, ela tinha 19 anos. Era demais pra nós dois. Ser o último ano de faculdade não ajudava a arrumar tempo extra pro casal, então fomos esfriando mais do que o relacionamento já estava frio, então acabou. Ela era a mulher com quem eu queria casar, construir uma familia, ter uma casa, poder discutir todos os dias por ter esquecido a toalha no lugar errado, ou então discutir sobre musicas que já enjoamos de tanto ouvir. Talvez passar uma lua de mel por ano conhecendo novos lugares. Talvez ter 3 filhos, 2 cachorros. Sei lá. Ela nunca entendeu que eu a amava de verdade. Ela era a minha mulher e quando eu disse que se eu tivesse que casar com uma mulher, essa mulher seria ela. Não sei se lá no futuro eu conhecerei uma garota incrível que me fara mais feliz do que eu podia imaginar, mas hoje eu ainda mantenho o meu pensamento. Se eu tivesse que casar com uma MULHER, essa seria ela.
      Mas se no futuro eu casar com um cara nerd, que gosta de ler livros e ouvir musicas calmas, ainda assim, eu seria feliz, pois eu estaria sendo eu mesmo, eu estaria vivendo de verdade. Vocês sabem que eu sempre prefiro ser sincero comigo. Hoje eu ainda amo a Giane e demais, mas nunca teremos chances de voltar a ser o que eramos no começo. Assim como eu e o Gabriel (ou Scoriel) não teremos chances de sermos felizes um com outro, a menos que ele decida viver tudo, mesmo com os desafios.
      Enfim, ser GAY não significa que você é menos humano que as outras pessoas, só mostra que você ama a vida e é gay (feliz).


POR FAVOR, PAREM COM ESSE PRECONCEITO ESCROTO. VIVA O AMOR E AME A VIDA.


#PorUmMundoComMaisCompaixão

domingo, 19 de junho de 2016

Super indico: Filme 4th Man Out



            Boa tarde meus betas, tudo bem com vocês? Espero que sim.
            Hoje estou aqui pra indicar um filme pra vocês. Se você é hétero, assista. Se você faz parte da LGBT, assista também.
            Pra começo de conversa, eu sempre saio pela net procurando filmes pra eu assistir (seja de temática hétero ou LGBT), mas enfim, estava "surfando" por um site que eu sempre visito pra ver novos filmes de tematica Homoafetiva. Como todo mundo sabe (ou não), eu tenho mania de assistir vários filmes e séries. Pois bem, estava eu lá e baixei esse filme aí (detalhe básico que baixei em março). Em Maio, eu peguei o notebook pra escolher um filme pra assistir e passei por ele, mas só vi os primeiros 10 segundos, então como de costume, eu fui assistir UM AMOR PRA RECORDAR. Ok, hoje eu acordei perto das 6 da manhã e fui ver algum filme pra assistir, só que dessa vez eu assisti O UAPR antes de ligar o note (e sim, sou tão viciado, que tenho o filme no celular pra ver toda hora, afinal de contas, o UAPR é o meu filme favorito ever, pois é uma adaptação do meu escritor favorito ever, vulgo "Nicholas Sparks"). Enfim, decidi pegar esse filme pra assistir e me arrependi.


COMO ASSIM? VOCÊ SE ARREPENDEU E ESTÁ FALANDO PRA EU ASSISTIR? TÁ ME ZUANDO?

          Calma aí, vou explicar. Me arrependo não ter assistido esse filme antes. Ele é incrível. Eu confesso que eu jurava que seria algo 100% clichê de cinema, mas ele me surpreendeu de uma forma boa. Eu esperava muito que algumas coisas acontecessem (pois o cinema atual está meio "lixo" e previsível), mas esse filme simplesmente me fez chegar no fim dele e dizer um palavrão dos grande (o palavrão não é grande, mas a surpresa sim) e aquilo que eu esperava não aconteceu. Logicamente tem muita coisa clichê e normativa de filmes, mas esse filme me surpreendeu muito, pois eu achava que seria só mais um filme chato que eu assistiria e não teria nem vontade de indicar pra alguém depois. Mas como percebemos, ele é bom. Não digo ótimo, mas ele é bom e eu super indico.
         Dá um look no trailer (Infelizmente eu não consegui encontrar o trailer legendado, mas ta valendo)





      Antes de eu continuar, vamos parar um minutos pra admirar o meu crush. vulgo "Parker Young". Pra quem não lembra, ele participou da série Arrow.








     Então, agora que já vimos um pouco de Parker, vamos pra mais informações técnicas do filme 4th Man Out.



            4th Man Out, também conhecido como Fourth Man Out é um filme estado-unidense do género comédia dramática, realizado por Andrew Nackma, escrito por Aaron Dancik e protagonizado por Evan Todd, Parker Young (Alex de Arrow)Chord Overstreet (Sam de Glee) e Jon Gabrus. Foi exibido no Festival de Cinema LGBT de Toronto a 26 de maio de 2015.
           Adam é um mecânico que vive e trabalha numa pequena cidade do estado de Nova Iorque e passa o tempo livre com seus melhores amigos Chris, Ortu e Nick, a tomar cervejas e a jogar a consola de jogos PlayStation e hóquei. Na chegada do seu aniversário de vinte e quatro anos, Adam decide sair do armário e conta para a família e amigos sobre sua homossexualidade. A revelação é comprometora e põe em risco o equilíbrio entre os amigos, mas após a estranheza inicial passar, Chris, Ortu e Nick decidem ajudar Adam a encontrar ao amor.

Data de lançamento5 de fevereiro de 2016 (EUA)





      Vejo vocês em breve meu betas. Abraço do True Alpha.

sábado, 18 de junho de 2016

Uma #SadPlaylist #Scoriel


                     Mais uma vez estou falando sobre algo que tenha a ver com #Scoriel?

                     Siiiiiimmmm.

                     Sabe por quê?

                     Porque eu quero, porque eu o amo. As pessoa têm uma ideia meio errada do que significa amar alguém. O Gabriel pode não estar mais comigo, mas isso não significa que eu deixei de amá-lo. Pelo contrario, eu não precisei perdê-lo pra amá-lo, eu já o amava e valorizava antes de ele decidir ir embora, isso mudou o que sinto? Sim, eu continuo amando-o. O tempo pode passar e eu nunca deixarei de amá-lo por isso, a distância nunca fará eu amá-lo menos. Eu espero que ele possa ser muito feliz e se no futuro for pra retomarmos de onde paramos, então assim será, senão eu continuarei amando-o e tendo-o como um dos melhores amigos que eu posso ter (mesmo que ele não responda mais minhas mensagens e eu tente evitar envia-las).
                    Aqui segue parte de uma playlist que montei depois do nosso termino, chamada Sad Scoriel.


01 - My Immortal - Evanescence
02 - There I Said It - Adam Lambert
03 - Antes que o dia acabe - Fly
04 - Estar Bem - Fly
05 - Hurricane - 30 Seconds to Mars
06 - Invisible - Big Time Rush
07 - Worldwide - Big Time Rush
08 - Flashlight - Hunter Hayes
09 - All You Ever - Hunter Hayes
10 - Rainy Season - Hunter Hayes
11 - Invisible - Hunter Hayes
12 - Thinking Of You - Katy Perry
13 - The End Of All Things - Panic! At The Disco
14 - Wanted - Hunter Hayes
15 - Young And In Love - Hunter Hayes
16 - I Want Crazy - Hunter Hayes
17 - Somebody's Heartbreak - Hunter Hayes
18 - Unconditionally - Katy Perry
19 - Pearl - Katy Perry
20 - Adore You - Miley Cyrus


           Em breve, postarei mais Playlist #Scoriel.

terça-feira, 7 de junho de 2016

O que aconteceu com Scoriel?

   




      Muitas pessoas sabem que prefiro não falar dos meus relacionamentos (Ou término deles), mas tem gente que está perguntando e eu acho que meus betas merecem saber a verdade. E a verdade é a seguinte...

                                          EU NÃO SEI O QUE ACONTECEU.

    Simplesmente assim, eu recebi uma mensagem pelo Snapchat e isso quebrou o meu coração, mas como eu já disse e vou repetir quantas vezes forem necessárias. Pra mim, Scoriel não acabou e nem vai acabar enquanto eu manter esse amor em meu coração. Ele decidiu seguir em frente, mas eu ainda estou aqui pra ele. E se ele decidir não voltar mais, só espero que ele possa conversar comigo e ser meu amigo. Eu ficarei feliz com a felicidade dele (Ficarei triste por ser comigo) e se ele quiser voltar, pra mim ele nunca se foi, então eu agirei como se ele tivesse ido viajar e eu não pude ir junto, então vou abraçá-lo com toda saudade e amor que possa existir em meu coração.
     Mas enquanto isso não acontece, fico ouvindo essa música maravilhosa do Adam Lambert. A letra não tem tanto um casamento com a situação, mas mesmo assim me faz lembrar sobre nós, sobre o meu amor e carinho por nós.


Espero que em breve eu possa acordar desse pesadelo e abraçá-lo novamente.


Ingratidão Complexa

        

          Gastamos tanto tempo reclamando de tudo aquilo que não, que acabamos nos esquecendo de agradecer por tudo aquilo que temos. Pode parecer um comentário/ pensamento aleatório, mas não é. Quantas vezes nos pegamos dizendo: "Que saco, não quero comer arroz e feijão, eu quero um bife de frango com queijo em cima".
      Ok, mesmo que digamos essas coisas em si, isso serve de exemplo, pois cada vez reclamamos de não querer comer uma coisa porque quer comer outra, existem pessoas que nem isso tem.
     Tem gente que reclama muito. Exemplo claro pode ser passado agora com esse frio. A pessoa reclama porque quer mais cobertores, pois os que tem, não esta esquentando o suficiente, mas vamos parar e pensar. Existem pessoas que não tem nem mesmo uma blusa pra se aquecer, então devíamos, parar de reclamar por não ter o excesso de algo, pois existem pessoas que tem menos que nós e mesmo assim, agradece todos os dias.
    Quando que colocaremos a mão no coração e pararemos com nosso egoismo estupido, e iniciaremos um módulo CARIDADE?
    As pessoas estão gastando seu tempo com coisas idiotas, enquanto outras pessoas estão precisando de ajuda, compaixão, carinho, amor, um prato de comida, uma blusa, um cobertor.
      Eu te desafio hoje a acordar de verdade, eu sei que talvez você esteja desejando algo, mas as coisas estão complicadas. Só que quando você faz o bem pro universo, chegará uma hora que a única opção do universo será te enviar coisas boas. Deixe o egoísmo de lado, pois se alguém precisa de ajuda e você pode ajudar, você tem a obrigação moral de ajudar.
========================================================================
         Um morador de rua foi encontrado morto em um ponto de ônibus situado na Avenida Miguel Badra, na altura do 1.694, em Suzano. A constatação foi feita por comerciantes próximos ao local por volta das 5h30. A vítima não tinha sinais vitais, apenas escoriações no joelho e mãos. De acordo com a Polícia Militar (PM), o homem morreu devido à baixa temperatura registrada na madrugada de terça-feira.
           O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) compareceu ao local e constatou a morte. A perícia também esteve na área. Por não portar documentos, ele foi dado como indigente. O homem tinha cabelo grisalho, 1,60 metro de altura, era magro e aparentava ter entre 50 a 60 anos. O indivíduo estava de bermuda amarela, camisa com manga comprida azul, jaqueta marrom e sandália preta.
           Segundo o gerente de uma padaria Germano Evangelista, a vítima encontrava-se no local às 23h30 do dia anterior aparentemente embriagada.
“Quando fechei o estabelecimento ele já estava no ponto de ônibus, porém parecia estar bêbado. Hoje, ao chegar aqui de madrugada, ele já estava morto. Muita tristeza, pois eu já tinha o visto por perto e o frio essa noite (ontem) foi muito forte”, explicou. Ninguém soube informar dados da vítima, uma vez que não era morador do bairro.

                                                                   ESTADO

          Os paulistanos enfrentaram na última terça-feira a madrugada mais fria do ano com média de 9,3°C. A menor temperatura, 7,5°C, foi registrada em Capela do Socorro, bairro extremo sul da Capital. Além do frio, o dia começou com chuviscos e neblina densa. A previsão é que o frio continue prevalecendo nas próximas madrugadas, com gradual elevação da temperatura ao longo do dia e períodos de sol entre nuvens. A máxima deve oscilar em torno dos 18°C.


=================================================================================

sábado, 4 de junho de 2016

Me sigam nas redes sociais


Twitter

Instagram

Facebook

Youtube

Meu cantor favorito: Hunter Hayes

      Sempre existem pessoas querendo saber o nome do meu cantor favorito, então agora todos podem saber. O nome dele é Hunter Hayes.

      Hunter Easton Hayes (Breaux Bridge9 de setembro de1991) é um cantorcompositor e multi-instrumentista norte-americano. Iniciou sua carreira musical desde criança, lançando entre os anos de 2000 e 2008 cinco álbuns de estúdio, estes de forma independente. Em 2008 Hayes assinou contrato com a Universal Music Publishing Group e começou a compor algumas faixas, dentre elas "Play" que foi incluída no álbum Nothing Like This da banda Rascal Flatts.
      Após assinar contrato com a Atlantic Records, foi lançado o Hunter Hayes que alcançou a sétima posição na Billboard 200 e a primeira na Billboard Country Albums. O disco gerou quatro singles, "Storm Warning", "Wanted", "Somebody's Heartbreak" e "I Want Crazy", este último contido na reedição do disco; todos desempenharam-se nas tabelas musicais Billboard Hot 100 e Hot Country Songs, ambas dos Estados Unidos.
       Até dezembro de 2013, Hayes havia vendido mais de um milhão de álbuns e oito milhões de singles no mundo. Em janeiro de 2014, ele foi listado pela Forbes como o décimo artista musical com menos de 30 anos que mais brilhou no ano de 2013.




Primeira vez #Scolos

           As pessoas me perguntam o que aconteceu entre mim e o Carlos. Eu meio que queria esconder os detalhes, mas decidi contar um pouco, já que eu escrevi várias musicas sobre ele e pra ele, então aqui vai.
           Era uma noite aparentemente normal, ou melhor dizendo, uma madrugada. Eu estava nesse tal aplicativo e recebi uma mensagem (detalhe básico, eu instalei e desinstalei o aplicativo no mesmo dia) e comecei a conversar com aquele cara super legal. Como eu não gosto muito dos aplicativos desse tipo, eu pedi pra que ele me chamasse no whatsapp  e exclui o aplicativo.
           Passamos alguns dias conversando e meio que uma amizade nasceu, foi quando eu comecei a escrever as musicas pro meu álbum de estúdio. na verdade, eu escrevi 2 EP's e 1 CD. Mas como vou começar a trabalhar com o 1º EP, eu decidi fazer a capa dele com uma foto Scolos (que o próprio escolheu uma entre as quatros versões criadas).

Capa oficial do 1º EP de estúdio. #Scolos


            Mas enfim, depois de escrever as músicas, eu comecei a me apaixonar por ele (na verdade, eu já estava apaixonado por ele quando eu comecei a escrever as músicas). Então marcamos de nos encontrar num parque ecológico que tem aqui em São José dos Campos - SP.
            Eu cheguei no parque completamente nervoso e então eu o vi, o nervosismo inicial foi embora, o meu nervosismo então começou a ser formado em cima do que poderia vir a acontecer nos próximos minutos.
            Começamos a conversar e andar pelo parque, até o momento que eu não aguentei mais e pedi um abraço. O abraço veio e dele veio um beijo, depois outro e outro. Ficamos abraçados por um tempo, depois saímos andando segurando as mãos um do outro, até encontrar um lugar reservado pra conversarmos. Encontramos um lugar calmo e bonito pra conversar abraçados. Foi quando o fogo começou e ambos tivemos que nos segurar pra não fazer nada que fossemos nos arrepender depois.
            Tudo o que fizemos naquele dia foi incrível. Ficamos um tempo no parque da cidade e depois fomos pra Vicentino Aranha, ele deitou no meu colo e eu fiquei passando minha mão nos cabelos dele, eu queria protegê-lo de tudo o que estava por vir. Eu me apaixonei completamente por ele e então estava ali o cara que também estava apaixonado por mim, o cara que queria estar comigo. Ele era simplesmente incrível. Ele teve que ir embora, eu fiquei meio triste com isso (como sempre), mas ele veio passar uma semana comigo e foi maravilhoso, foi ai que aconteceu a primeira vez.
           Não vou dar detalhes, pois esse não é um blog pornô e também não quero dizer sobre algo tão intimo, mas posso dizer que sempre amarei o Carlos. Cada segundo ao lado dele valeu a pena, mesmo ele estando namorando outra pessoa e eu também, os meus sentimentos sempre existirão e o meu respeito por ele também. Posso dizer que adoro cada segundo com ele.
           Assim que o "Sparks Of A Soul" sair, eu quero que todos saibam que todas as músicas desse álbum foram escritas pra ele.